Memória, Principado e Adriano na Vita Divi Augusta de Suetônio
PDF

Palavras-chave

Suetônio
Principado Romano
Augusto
Memória
Biografia

Como Citar

SILVA, Filipe. Memória, Principado e Adriano na Vita Divi Augusta de Suetônio. Revista de Estudos Filosóficos e Históricos da Antiguidade, Campinas, SP, v. 14, n. 26, p. 23–60, 2013. DOI: 10.53000/cpa.v14i26.1479. Disponível em: https://econtents.bc.unicamp.br/inpec/index.php/cpa/article/view/17104. Acesso em: 24 abr. 2024.

Resumo

Este artigo pretende, por um lado, analisar a Vida de Augusto na obra de Suetônio visando nela identificar elementos que nos permitam associá-la ao domínio da memória do Principado Romano no século II da Era Comum. Por outro lado, objetiva-se observar, a partir da mesma obra, os possíveis aspectos que podem estar relacionados mais precisamente ao governo do imperador romano Adriano.

https://doi.org/10.53000/cpa.v14i26.1479
PDF

Referências

SUETONIUS. Lives of Caesars. With an English translation by J.C. Rolfe and Introduction by K.R. Bradley. London: Loeb Classical Library, 1998.

SUETÔNIO; AUGUSTO. A Vida e os Feitos do Divino Augusto. Textos de Suetônio e Augusto. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2007.

ANDO, Clifford. Imperial Ideology and Provincial Loyalty in the Roman Empire. Berkeley: University of California Press, 2000.

BERNAL, Martin. Atenea Negra. Las raices afroasiaticas de la civilización clasica. Barcelona: Editora Crítica (Grupo Grijalbo Mondadori), 1993.

BÓSI, Ecléa. Memória e Sociedade. Lembranças de Velhos. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

BOWMAN, Alan. (et al). The Cambridge Ancient History Volume X. The Augustan Empire, 43 B.C – A.D. 69. Cambridge: University Press, 1996.

BOWMAN, Alan. The Cambridge Ancient History Volume XI. The High Empire, A.D. 70-192. Cambridge: University Press, 2000.

BRESCIANI, S.; NAXARA, M. (Orgs.) Memória e (Res)sentimento. Indagações sobre uma questão sensível. Campinas: Editora da Unicamp, 2004.

CHARTIER, Roger. A história ou a leitura do tempo. Belo Horizonte: Editora Autêntica, 2010.

CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Lisboa: Difel, 1988.

FARREL, Joseph. “The Phenomenology of Memory in Roman Culture”. The Classic Journal vol.92, No.4 (April – May), 1997. p.373-383.

FAVERSANI, Fábio. “O Estado Imperial e os Pequenos Impérios”. História, São Paulo, v.26, n.1, p.53-62, 2007.

FEITOSA, Lourdes Conde. “Gênero e Sexualidade no Mundo Romano: A Antiguidade em Nossos Dias”. História: Questões & Debates. Curitiba, n.48-49, p.119-135, 2008. Editora UFPR.

FEITOSA, Lourdes Conde. Amor e Sexualidade. O Masculino e o Feminino nos Grafi tes de Pompéia. São Paulo: Editora Annablume/FAPESP, 2005.

FOUCAULT, Michel. História da Sexualidade. Volume III, O Cuidado de Si.São Paulo: Edições Graal/Paz e Terra, 2011.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. “Introdução a Plutarco”. In: SUETÔNIO & PLUTARCO. Vidas de César. São Paulo: Estação Liberdade, 2007.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. ”Romanas por elas mesmas”. Cadernos Pagu (Unicamp). Volume 5, 1995. p.179-200.

GALINSKY, Karl.(ed.). The Cambridge Companion to the Age of Augustus. Cambridge: University Press, 2005.

GOWING, Alain. Empire and Memory. The Representation of Roman Republic in Imperial Culture. Cambridge: University Press, 2005.

GUARINELLO, Norberto Luiz. “Ordem, Integração e Fronteiras no Império Romano. Um Ensaio”. Mare Nostrum, v. 1, p. 113-127, 2010.

HÖLKESKAMP, Karl-Joachim. Reconstructing the Roman Republic: An Ancient Political Culture and Modern Research. Princeton: University Press, 2010.

JOLY, Fábio Duarte. “Suetônio e a Tradição Historiográfica Senatorial: Uma leitura de Nero”. História. São Paulo, v.24, n.2, pp. 111- 127, 2005.

MOMIGLIANO, Arnaldo. The Development of Greek Biography. Expanded Version. Harvard/Cambridge: Harvard University Press, 1993.

POLLAK, Michael. “Memória, Esquecimento, Silêncio”. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, vol.2, n.3, 1989, p.3-15.

RICŒUR, Paul. A memória, a história, o esquecimento. Campinas: Ed. Unicamp, 2007.

SILVA, Uiran Gebara. “A Escrita Biográfica na Antiguidade: Uma Tradição Incerta”. Politéia (UESB), v. 08, p. 67-81, 2008.

SPAWFORTH, A.J.S. Greece and the Augustan Cultural Revolution. Cambridge: University Press, 2012.

SPAWFORTH, A.J.S; WALKER, Susan. “The World of the Panhellenion I: Athens and Eleusis”. The Journal of Roman Studies, vol.75, pp.78-104, 1985.

VIEIRA, Willian Mancini. Imago Claudii: As Representações de Sêneca, Tácito e Suetônio sobre o Imperador Cláudio e seu Principado. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Ouro Preto: Mariana, 2012.

WALLACE-HADRILL, Andrew. “Suetonius: The Scholar and His Caesars”. London: Duckworth, 1983.__________“Civilis Princeps: Between King and Citizen”. Journal of Roman Studies 72. 1982. p.32-48.

WINTERLING, Aloys. Politics and Society in Imperial Rome. Chichester: Wiley-Blackwell, 2009.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Revista de Estudos Filosóficos e Históricos da Antiguidade

Downloads

Não há dados estatísticos.